Pastoral Familiar

PASTORAL FAMILIAR

Entre os deveres fundamentais da família cristã estabelece-se o dever eclesial: colocar-se a serviço da edificação do Reino de Deus na história, mediante a participação na vida e na missão da Igreja. A família é uma “Igreja em miniatura”, uma “Igreja Doméstica” fazendo com que esta, a seu modo, seja imagem viva e representação histórica do próprio ministério da Igreja. É antes de tudo a Igreja mãe que gera, educa, edifica a família cristã, operando em seu favor a missão de salvação que recebeu do Senhor. Por sua vez a família cristã está inserida a tal ponto no ministério da Igreja que se trona participante, a seu modo, da missão de salvação da própria Igreja. Por isso não só “recebem o amor de Cristo tornando-se comunidade ‘salva’, mas também são chamados a transmitir aos irmãos o mesmo amor de Cristo, tornando-se assim comunidade salvadora” a família cristã é chamada a tomar parte viva e responsável da Igreja e da sociedade no seu agir, enquanto comunidade intima de vida e amor. (Familiares Consortio n°49 e 50)

A Exortação Apostólica do Papa João Paulo II Familiaris Consortio é o resultado do sínodo dos bispos realizado em Roma no ano de 1980 sobre a função da família cristã no mundo de hoje. A partir desta encíclica a CNBB publicou o documento 65 – A Pastoral Familiar no Brasil que serve de subsídio para a implantação da Pastoral Familiar nas Paróquias.

A Pastoral Familiar surgiu da necessidade de atuação da Igreja junto às famílias devido às amplas, profundas e rápidas transformações da sociedade e da cultura, pondo em questão esta instituição que constitui o cerne da sociedade. A família sempre foi de grande importância para a Igreja pois através dela que o homem começa sua vida, forma sua base.

A Pastoral Familiar tem como missão ser misericordiosa, acolhedora, integrada, defensora da vida e dos valores cristãos, valorizadora do sacramento do matrimônio e formadora de Igrejas domésticas e comunidades de amor.

Como forma de organização e para melhor atuação e Pastoral Familiar está dividida em três setores: Pré-matrimonial, Pós-matrimonial e Casos Especiais.

SETOR PRÉ-MATRIMONIAL

·         Encontro de namorados

·         Encontro de noivos

SETOR PÓS-MATRINONIAL

·         Encontro de Recém-casados

SETOR DE CASOS ESPECIAIS

·         Encontro de casais em nova união